Resenha: Crystallis, a Joia Real (livro 01) - Thamires Santos

Olá pessoas! Tudo  bem?
Aqui estamos com mais uma resenha que exala magia! Confesso que o gênero não é minhas leituras habituais. 
Gosto de fantasia, mas não é o que me identifica como leitora voraz. Sou movida por romance. Então gostei de quebrar esse ciclo de leitura ao escolher esse livro.

Ficha Técnica
Titulo: Crystallis, a Jóia Real (livro 01)
Autora:  Thamires Santos
Editora: Cervus
Gênero: Fantasia
Páginas: 347
Ano de Publicação: 2018
Onde Comprar: Amazon / Cervus Editora

Sinopse
A Jóia Real foi quebrada.
Quando um rei morre em Édera, uma poderosa Jóia do reino coroa o próximo rei. Porém, antes de chegar nas mãos dos candidatos a realeza, a Jóia precisa fazer uma peregrinação por todo o reino sob a tutela de um guardião. E essa era a missão do Capitão Vincent Strauss.
Entretanto, em uma noite sombria, orcs brutais atacam o pelotão especial de Édera e levam seus homens a morte. A Jóia Real é quebrada e Vincent é deixado vivo para entregar um recado.
Os orcs retornaram.
Valerie Labonair é humana e possui magia em seu sangue, mas em Distópia, humanos não fazem magia naturalmente! Sempre curiosa com esse fato, evita ao máximo acessar esse fonte de poder, pelo medo que isso causa em pessoas comuns. Contudo, um dia, isso se torna inevitável, pois vendo uma loba solitária e seus filhotes, acuados no bosque, Valerie é tomada por um ímpeto de salva-los, porém, apenas Lycan, um pequeno lobo filhote, sobrevive.
Encontrado pela caçadora que faz magia, Vincent sobrevive por pouco e agora tem a missão de restaurar a pedra para que o reino de Édera, sua casa, não caia nas mãos de nobres corruptos.
Toda via, não só orcs brutais serão os inimigos nessa jornada, quando aos poucos, nossos protagonistas descobrem que alguém trama por trás das cortinas.
Embarque pelo reino de Edera através de suas tramas que envolvem muita ação, magia, aventuras e amor.


Crystallis, a Joia Real é o livro de estreia da autora (e parceira do blog) Thamires Santos pela Cervus Editora, fundada em Agosto de 2018. Então podemos esperar muito coisa boa pela frente.
O livro vem com um enredo cheio de magia, seres míticos, guerras medievais e realezas.
Vamos mergulhar em um mundo chamado Distopia. Um mundo não como outro qualquer.
O céu de Distopia é regido agora por três luas brilhante, depois de que o sol morrera em grande explosão causada por uma entidade pagã que queria deixar Distopia em trevas eternas. Mas o deus Luxys sacrificou sua própria vida para trazer a luz de volta através dessas três luas.

A trama do livro está envolta das Crystallis, uma joia mágica que possui o poder de escolher o próximo rei de Édera, reino que vem à algum tempo sofrendo grandes mudanças devido ao grade  avanço da tecnológica gerada pelas crystallis. Fazendo Distopia entrar para uma era mais moderna.
É nítido ver durante a leitura essa transação, o lado medieval com espadas, laças misturado com um ar mais moderno e conhecido ao leitor, isso me deixou admirada.

Entrando para os personagens da história, vamos conhecer Valerie Labonair, uma jovem de 17 anos, astuta, corajosa, personalidade forte e com uma grande segredo e temor em seu coração. Em seu sangue corre uma magia, que para ela ainda é desconhecida e sem controle.
Val vive com sua avó (me apaixonei por essa senhora) em uma pequena cabana. Depois da morte de seu pai, sua mãe a deixou com promessas de retornar, mais não aconteceu. A jovem, desde então, passa seus dias esperando por sua mãe sem saber o motivo de seu partida.

Mesmo assim, tudo o que faz, é conseguir sempre o melhor para si e sua avó, onde vivem de forma humilde e sem muitos recursos.
A garota é uma verdadeira caçadora e sabe usar um arco e flecha com verdadeira maestria.
Sua vida monótona muda drasticamente quando em uma de suas caçadas salva a vida de um filhote de lobo que acabara de perder sua mamãe por orcs, (e com isso, acaba matando um orc também) e quando retornava para sua casa encontra Vincent Strauss - capitão da aguarda de Édera -  quase morto e o leva consigo para cuidar de seus ferimentos.

O capitão chega na vida da Val depois que seu pelotão, em  escolta para levar a joia real  para a escolha do próximo rei, é surpreendido por orcs. 
Os mesmos tiram a vida dos soldados de Édera  e  quebraram a joia real, mas deixam Vincent vivo para que leve o recado para seu líder. Recado onde os dias dos humanos estão contados. 

Com o resgate e a recuperação de Vincent e toda história esclarecida para sua salvadora,Val se vê envolvida  quando os orcs descobrem o paradeiro do capitão que ainda vive e da caçadora que tirou a vida de um de seus companheiros.
 Tudo isso gera mais perdas na vida de Valerie. Depois de ver sua casa, e sua vida ser destruída em sua frente, a menina entra de cabeça na missão de destruir os orcs, restaurar a joia real e salvar o reino das mãos dos orcs e nobres corruptos.
 Na jornada de restaurar a joia e salvar o reino, Valerie conhece Gwydeon Strauss, irmão mais novo de Vincent e um tanto galanteador que também tem uma grande história de sobrevivência , e o destemido príncipe Christopher o futuro rei de Édera que luta por seu reino.

O quarteto tem em suas mãos a responsabilidade de restaurar a joia e erguer a paz, mas essa jornada vai muito além de guerrear com orcs, e sim descobrir mistérios ocultos, enfrentar  um poder oculto, criaturas horripilantes e saber o verdadeiro valor do que é amor, amizade e companheirismo.
Valerie se vê  desvendando os segredos de sua magia e colocando isso em prática na hora de salva as pessoas que ama, e o mais importante em sua vida. Descobrir seu lugar no mundo. 
Crystallis, a Joia Real é uma história cheia de aventuras, magia, descobertas, amor e momentos divertidos e envolventes.

Faz muito tempo que não lia um livro com essa temática. Isso me fez sair um pouco da minha zona de conforto. Mas também me trouxe um pouco de dificuldade na hora de formular essa resenha, simplesmente por falta de costume mesmo, espero que tenha me saído bem.
O livro me proporcionou uma leitura muito gostosa e fluida. Com uma narrativa em terceira pessoa, onde ao decorrer da trama, os capítulo são  divididos a descrever o que se passa na vida de cada  personagens principal. Vincent, Valerie, Christopher  e Gwydeon.

 O leitor vai navegando na história em todos os personagens da trama sem deixar pontas soltas. 
Gostei muito da ambientação onde a trama se passa. A descrição do lugar é muito boa e consegui visualizar cada momento.
O foco da trama é esse mundo sobrenatural. Magia, guerras, mas não  deixar de lado aquela pitadinha de romance. Um beijo aqui, um flerte ali. Tudo bem singelo e na porção certa.
Mesmo que eu tivesse torcendo para algo mais profundo, mas quem sabe eu possa ter isso no segundo volume, do qual vai ser lançado em breve em e-book na Amazon,  então ficaremos de olho.
Este livro é destinado a leitores aficionados ao mundo mágico, orcs, magos. Mas também uma ótima pedida para quem desejar se aventurar em um novo gênero, e consequentemente se apaixona por Distopia.

E aí! O que achou desse livro? Não esquece de  deixar seu comentário aqui em baixo.  Isso ajuda muito o crescimento do Blog e ficarei muito feliz em responder a todos.

Beijos!: *

2 comentários

  1. A resenha mais emocionante! Amei muito! Obrigada por todo o amor e carinho ��

    ResponderExcluir